Justiça do Trabalho suspende retorno das aulas presenciais no Rio

Publicado em: 11/09/2020

A Justiça do Trabalho suspendeu nesta 5ª feira (10.set.2020) o retorno das aulas presenciais na rede particular do Rio de Janeiro. A decisão engloba escolas e universidades do Estado. Atende à pedido de sindicatos do setor.

Segundo a decisão, a retomada das aulas só deve ser realizada quando houver vacina disponível contra a covid-19 ou quando a segurança para o retorno for comprovada para alunos, professores e à sociedade fluminense.

A liminar determina ainda que docentes ou universidades que convocarem aulas ou atividades presenciais estarão sujeitos à multa de R$ 10.000 por dia. Além disso, o Governo do Estado deve expedir novo decreto suspendendo as classes.

O juiz Elísio Correa de Moraes Neto disse na ordem que a retomada provoca aglomerações para além do ambiente educacional.

“Vale salientar que o retorno às aulas representa significativa aglomeração de pessoas em 1 mesmo ambiente fechado e no transporte público, quando em comparação a outras atividades em que já ocorreu o retorno, ainda que com restriões, destacando-se, ainda, que se trata do envolvimento, em grande parte, de crianças, que nem sempre estarão aptas para a adaptação aos critérios sanitários”, declarou.

 

PODER 360

 




Faça o seu comentário