PF desativa 7 garimpos ilegais no Pará, resgata 40 trabalhadores e apreende R$ 600 mil em ouro

Publicado em: 21/11/2020

                                           Foto: Divulgação/PF

 

A Polícia Federal desativou sete áreas de garimpos clandestinos e resgatou cerca de 40 trabalhadores que viviam em regime análogo à escravidão durante operação realizada no sudoeste do Pará na manhã desta sexta, 20. A ofensiva foi batizada de Napuru e cumpriu ao todo nove mandados de busca e apreensão expedidos pela Justiça Federal em Redenção.

Durante a ação, duas pessoas foram presas em flagrante. Além disso, os agentes apreenderam apreensão de R$ 97.055,00 em espécie, dois quilos de ouro – avaliados em aproximadamente R$ 600 mil -, 11 retroescavadeiras, um caminhão caçamba, bombas de água e apetrechos de garimpo.

                      

                                          Foto: Divulgação/PF

 

O dano ambiental ainda será quantificado pela perícia da PF. 42 agentes da corporação participaram da ação, que contou ainda com acompanhamento do Ministério Público Federal e o Ministério Público do Trabalho.

                                                  Foto: Divulgação/PF

 

Os crimes investigados são de usurpação de bens da União, crimes ambientais, redução à condição análoga de escravo e lavagem de dinheiro, com penas que podem alcançar 26 anos de reclusão e multas, informou a PF.

 

Estadão Conteúdo

 




Faça o seu comentário