UNIMED Natal confia na responsabilidade social da Coopanest em manter o atendimento de anestesiologistas para a população

Publicado em: 05/08/2022

Em 24 de junho de 2022, a Unimed Natal recebeu notificação extrajudicial de resilição contratual da Cooperativa dos Médicos Anestesiologistas do Rio Grande do Norte – COOPANEST, com aviso prévio que se encerra em 08 de agosto de 2022.

Foi uma notificação extremamente inesperada, especialmente porque a Unimed Natal vinha mantendo aberto o canal de comunicação, de forma amigável, dentro do processo de negociação contratual iniciado em fevereiro de 2022. O reajuste pleiteado, no entanto, está acima da capacidade de absorção e o seu impacto afetaria a qualidade dos serviços prestados aos mais de 204 mil clientes além de repercutir na sustentabilidade do sistema de saúde na região. Afetaria ainda, diretamente, os mais de 1.600 médicos cooperados, os mais de 1.500 colaboradores e os mais de 400 prestadores de serviços de saúde.

Não deve interessar a ninguém desestruturar o sistema de saúde

A Unimed Natal sempre se posicionou pela boa negociação em busca de um reajuste capaz de manter a continuidade do contrato e a efetiva prestação dos serviços. A COOPANEST é a única fornecedora de serviços médicos de anestesiologistas na região, o que estabelece uma relação de dependência do sistema de saúde.

Essa posição, reconhecidamente monopolista, não pode prejudicar o consumidor com aumento deliberado de preços e a consequente restrição da oferta de serviços. Muito menos com interrupção da prestação dos serviços utilizada claramente como instrumento de pressão, o que contraria fortemente a excelente qualidade das relações comerciais entre as duas cooperativas.

Diante da frustração das negociações, da posição da COOPANEST de não transigir para um entendimento comercial capaz de manter ativa a relação comercial, o Conselho de Administração da Unimed Natal e a sua diretoria executiva, em consonância com seus médicos cooperados cirurgiões e, considerando o fim do prazo para extinção do contrato, adotou todas as medidas cabíveis para garantir a continuidade da assistência à saúde dos 204 mil clientes.

A Unimed Natal preza pelo estabelecimento do equilíbrio e da parceria entre todos os entes do sistema de saúde e acredita que não interessa à COOPANEST desestabilizar o funcionamento de serviço tão importante e imprescindível à vida dos norte-rio-grandenses.

 

BG

 

 

 




Faça o seu comentário