Nova facção criminosa está surgindo no RN com dissidentes do PCC e do Sindicato do Crime, diz Polícia Civil

Publicado em: 21/11/2023

Informações sobre nova organização criminosa foram descobertas durante investigação de trio com explosivos – Foto: PCRN / Divulgação

 

Uma nova facção criminosa está sendo formada no Rio Grande do Norte, com dissidentes do Primeiro Comando da Capital (PCC) e do Sindicato do Crime. A informação é do delegado Cidorgeton Pinheiro, da Delegacia Civil de Macaíba.

Segundo o delegado, informações sobre a nova facção foram coletadas durante as investigações que resultaram na prisão em flagrante, na última segunda-feira (13), de dois homens e uma mulher no município de Bom Jesus. Eles são suspeitos de organização criminosa e tráfico de drogas.

Durante as investigações do caso, foi apontado que os explosivos, armas de fogo e as munições apreendidas na operação seriam utilizadas para furtar e roubar agências bancárias. O delegado afirma que existe a possibilidade de que o material apreendido tenha relação com o conflito de facções no interior do Estado e do surgimento desta nova facção.

“Inicialmente a perspectiva da reunião desse grupo seria para um ataque a uma agência bancária local. Pelo material que foi recolhido, realmente há uma determinação quanto a esse objetivo, mas também nós temos ciência de que há um conflito entre facções que está ocorrendo no interior do Rio Grande do Norte, uma nova facção de origem aqui do Estado está surgindo. Aí esses integrantes estariam se confrontando e há possibilidade que esse material tenha ligação com essa ação”, disse Cidorgeton.

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte confirmou que tem informações sobre a nova facção e sabe que alguns dos integrantes dessa nova organização criminosa são ex-membros do PCC e do Sindicato do Crime.

Sobre o combate das facções e dos crimes cometidos, o delegado Cidorgeton Pinheiro também ressaltou que outros crimes graves orbitam na atuação das organizações criminosas.

“Principalmente o tráfico de drogas e agora tem o contrabando de cigarros e o jogo do bicho. São crimes e contravenções que sempre estão interligados, pela facilidade do manuseio do material ilícito, assim como pela fatura, o rendimento que a atuação ilícita permite”.

 

98 FM Natal

 




Faça o seu comentário