Maioria do STF proíbe dossiê contra antifascistas

Publicado em: 20/08/2020

                                                   Reprodução

 

Com o voto de Luiz Fux, o Supremo formou maioria de 6 votos entre os 11 ministros para proibir o Ministério da Justiça de coletar informações sobre opositores de Jair Bolsonaro identificados como integrantes do movimento antifascista.

Seguindo o voto da relatora, Cármen Lúcia, os ministros consideraram que houve desvio de finalidade e de poder na elaboração do dossiê — chamado por alguns de “bisbilhotice” — por levar em conta posições políticas e ideológicas.

 

O Antagonista

 




Faça o seu comentário